fbpx

Erika Hilton (PSOL) apresenta projeto para que vítimas de violência sexual sejam informadas do direito ao aborto legal

A deputada federal Erika Hilton (PSOL) encerrou as atividades legislativas do mês de março com mais um projeto de lei apresentado em defesa dos direitos das mulheres brasileiras. A iniciativa busca garantir os espaços de atendimento às vítimas de violência sexual as informem devidamente sobre seu direito ao aborto legal.

Segundo o projeto, caso ele seja aprovado, espaços como hospitais, unidades de saúde, delegacias da mulher, centros de assistência social e outros serviços seriam obrigados a informar devidamente as vítimas de violência sexual sobre esse direito.

“A informação sobre os direitos é essencial para a garantia e o usufruto dos mesmos. E a autonomia dos corpos é um direito pelo qual lutarei sempre e continuamente”, disse Erika ao anunciar o projeto em suas redes sociais.

Atualmente, o direito ao aborto legal já é extremamente restrito no Brasil, autorizado apenas em casos de estupro, risco de vida para a mulher e de anancefalia do feto. Mesmo assim, extrema-direita e fundamentalistas atentam sistematicamente contra esse direito.

Cadastre-se e recebe informações do PSOL

Relacionados

PSOL nas Redes

469,924FãsCurtir
362,000SeguidoresSeguir
1,895SeguidoresSeguir
515,202SeguidoresSeguir

Últimas