fbpx

Erika Hilton (PSOL) pede medidas cautelares contra Nikolas Ferreira

A deputada federal Erika Hilton (PSOL) apresentou nesta semana uma série de ações contra o também deputado Nikolas Ferreira por suas recentes falas e ações transfóbicas na Câmara dos Deputados.

Entre os pedidos da parlamentar do PSOL estão a suspensão de todas as redes sociais do deputado transfóbico, a sua inclusão no inquérito das fake news no Supremo Tribunal Federal (STF), além do pedido de cassação do mandato de Nikolas Ferreira na Câmara Federal.

Na petição, Hilton demonstra que o deputado agiu com intenção de cometer o crime de transfobia por meio de seu discurso no Plenário da Câmara dos Deputados no dia 8 de março e de disseminá-lo pelas suas redes sociais com intuito de atrair mais público para seus perfis.

”Diante das circunstâncias, está evidente que o deputado Nikolas Ferreira, além de manter atividade criminosa constante de disseminar notícias falsas, transfobia e incitação à transfobia por todas as suas redes sociais, ainda está intencionalmente obtendo vantagem com a prática delituosa, se utilizando de sua prática de transfobia para angariar mais seguidores em suas redes sociais”, ressalta trecho da ação.

Em entrevista coletiva na última quarta-feira (15) na Câmara, a deputada federal também apresentou o pedido de cassação do mandato de Nikolas Ferreira no Conselho de Ética, já que as falas criminosas do deputado aconteceram no plenário da Casa.

Cadastre-se e recebe informações do PSOL

Relacionados

PSOL nas Redes

469,924FãsCurtir
362,000SeguidoresSeguir
1,895SeguidoresSeguir
515,202SeguidoresSeguir

Últimas